ORADORES

Dia 21 de março

Cecília Roque – 9h45 – 10h15

Projeto Nariz Eletrónico – Consegue detetar comida estragada e doenças

Licenciada em Engenharia Química pelo Instituto Superior Técnico onde se doutorou em Biotecnologia. Em 2004 ingressou na Universidade de Cambridge como investigadora de pós-doutoramento e em 2005, na área de Nanotecnologia, foi investigadora do Instituto de Biotecnologia. Atualmente é professora do Departamento de Química na Faculdade de Ciências e Tecnologia e integra o projeto Nariz Eletrónico. Este projeto permite detetar doenças e muito mais a partir da inteligência artificial. Vem descobrir mais no dia 21 de março às 9h45.

Elvira Fortunato – 10h15 – 11h

Transístores de Papel

As JEQ têm o prazer de apresentar outra das confirmações: a Professora Elvira Fortunato. Licenciada em Engenharia dos Materiais pela Faculdade de Ciências e Tecnologias da Universidade Nova de Lisboa, fez o seu doutoramento na área da microeletrónica e optoeletrónica. Atualmente é professora catedrática e investigadora na FCT da Universidade Nova de Lisboa, é vice-reitora desta mesma universidade, diretora do Instituto de Nanomateriais, Nanofabricação e Nanomodelagem e ainda do CENIMAT. É também Fellow da Academia Portuguesa de Engenharia desde 2009 e foi condecorada com o grau de Grande Oficial da Ordem do Infante D. Henrique pelo Presidente da República em 2010, devido às suas descobertas científicas.

A Professora Elvira é ainda conhecida como a ‘mãe dos transístores de papel’, tendo sido pioneira nesta investigação sobre eletrónica transparente. Com vários prémios e distinções na sua carreira, vem às JEQ falar desta sua investigação, e de como os transístores de papel podem revolucionar hábitos quotidianos e práticas empresariais.

Terás oportunidade de assistir a esta palestra dia 21 de março, pelas 10h15, no Centro de Congressos do IST.

Elvira Fortunato – 10h15 – 11h

Transístores de Papel

As JEQ têm o prazer de apresentar outra das confirmações: a Professora Elvira Fortunato. Licenciada em Engenharia dos Materiais pela Faculdade de Ciências e Tecnologias da Universidade Nova de Lisboa, fez o seu doutoramento na área da microeletrónica e optoeletrónica. Atualmente é professora catedrática e investigadora na FCT da Universidade Nova de Lisboa, é vice-reitora desta mesma universidade, diretora do Instituto de Nanomateriais, Nanofabricação e Nanomodelagem e ainda do CENIMAT. É também Fellow da Academia Portuguesa de Engenharia desde 2009 e foi condecorada com o grau de Grande Oficial da Ordem do Infante D. Henrique pelo Presidente da República em 2010, devido às suas descobertas científicas.

A Professora Elvira é ainda conhecida como a ‘mãe dos transístores de papel’, tendo sido pioneira nesta investigação sobre eletrónica transparente. Com vários prémios e distinções na sua carreira, vem às JEQ falar desta sua investigação, e de como os transístores de papel podem revolucionar hábitos quotidianos e práticas empresariais.

Terás oportunidade de assistir a esta palestra dia 21 de março, pelas 10h15, no Centro de Congressos do IST.

Eng. João Líbano Marques – 11h30 – 12h

Põe o teu futuro em Ordem

Licenciado em Engenharia Química pelo Instituto Superior Técnico, o Eng. João Libano Marques vem às Jornadas em nome da Ordem dos Engenheiros da Região Sul, tendo sido eleito Coordenador do Colégio Regional de Engenharia Química da Ordem dos Engenheiros, para o mandato 2022-2025.

Relativamente à sua carreira profissional, iniciou-se como investigador em R&D na HOECHST PORTUGUESA em 1995. Em 1996 ingressou na CIPAN, onde começou por engenheiro químico júnior e passou depois para diretor do setor de isolamento de ácido clavulânico e adjunto do diretor fabril. Trabalhou ainda na TPRO como diretor de projetos, em Barcelona, e atualmente é coordenador da qualidade e desenvolvimento da marca própria, na área não alimentar, do Grupo Jerónimo Martins.

Vem às JEQ falar do seu percurso e também da Ordem dos Engenheiros, no dia 21 de março, pelas 11h30, no Centro de Congressos do IST.

Francisco Parada – 12h – 12h45

Importância do Eng. Químico na Mudança do Paradigma Energético

Natural do Porto, licenciou-se em Engenharia Química e mestrado em Engenharia do Ambiente pela FEUP, com um MBA Executivo (2008) pela Porto Business School, tendo frequentado ainda (2018) o Advanced Management Program da Católica Business School/Kellog School of Business em Chicago. Iniciou a sua carreira na Associação Empresarial em Portugal, integrando mais tarde os quadros da Rede Elétrica Nacional, na Direção de Planeamento dos Centros Produtores, Francisco Parada é atualmente responsável pelo departamento de Qualidade, Ambiente, Segurança e Performance da REN.

Apresentando mais de 17 anos de experiência profissional em assuntos relacionados com o ambiente e setor energético, atuou como representante da REN em inúmeros grupos de trabalho internacionais relacionados com este tema, sendo atual membro do grupo de responsáveis de segurança (safety e security) das empresas de transporte de eletricidade europeias.

Com a temática ambiental cada vez mais atual e importante nos dias de hoje, é com muito gosto que as XXXV JEQ te convidam a assistir à sua palestra no dia 21 de março às 12h, onde poderás entender melhor a importância do engenheiro químico na mudança do paradigma energético. Não faltes!!

Francisco Parada – 12h – 12h45

Importância do Eng. Químico na Mudança do Paradigma Energético

Natural do Porto, licenciou-se em Engenharia Química e mestrado em Engenharia do Ambiente pela FEUP, com um MBA Executivo (2008) pela Porto Business School, tendo frequentado ainda (2018) o Advanced Management Program da Católica Business School/Kellog School of Business em Chicago. Iniciou a sua carreira na Associação Empresarial em Portugal, integrando mais tarde os quadros da Rede Elétrica Nacional, na Direção de Planeamento dos Centros Produtores, Francisco Parada é atualmente responsável pelo departamento de Qualidade, Ambiente, Segurança e Performance da REN.

Apresentando mais de 17 anos de experiência profissional em assuntos relacionados com o ambiente e setor energético, atuou como representante da REN em inúmeros grupos de trabalho internacionais relacionados com este tema, sendo atual membro do grupo de responsáveis de segurança (safety e security) das empresas de transporte de eletricidade europeias.

Com a temática ambiental cada vez mais atual e importante nos dias de hoje, é com muito gosto que as XXXV JEQ te convidam a assistir à sua palestra no dia 21 de março às 12h, onde poderás entender melhor a importância do engenheiro químico na mudança do paradigma energético. Não faltes!!

Dia 22 de março

Filipa Fixe – 9h30 – 10h15

Alumni

É com enorme gosto que as JEQ apresentam a primeira oradora do painel dos alumni: Filipa Fixe! Licenciada em Engenharia Química pelo IST, Mestre em Engenharia Bioquímica e Doutorada em Bio/Nanotecnologia no desenvolvimento de chips de ADN, Filipa Fixe ocupou o cargo de Diretora do Mercado Healthcare na Glintt entre 2016 e 2018, ano em que foi eleita membro da Comissão Executiva da mesma consultora. É membro da direção da APDSI e Professora Auxiliar convidada na Universidade de Lisboa.

Durante o seu percurso profissional, esteve fortemente presente nas áreas de tecnologia e gestão de saúde, e-health, biotech e medtech.

Assim, no dia 22 de março, o segundo dia das JEQ, dedicado aos alumnis, poderás assistir à palestra da Filipa Fixe, às 9h30, na qual a alumni nos irá falar do seu percurso após o IST, nomeadamente da sua experiência na área da consultoria na Glintt. Uma palestra a não perder!

Sónia Aparício – 10h30 – 11h15

Alumni

Mais uma das confirmações para o dia dos alumni: a engenheira Sónia Aparício.

Licenciada em Engenharia Química pelo Instituto Superior Técnico, acabou o seu curso em 1999, tendo-se especializado na área de processos e indústria. Iniciou a sua carreira profissional na área farmacêutica, na SOFARIMEX, onde permaneceu 4 anos e assumiu funções de qualificação e validação analítica do processo de fabrico. Em 2004 mudou-se para a indústria petroquímica, onde permanece até aos dias de hoje. Desde então tem assumido várias funções, como: diretora de estudo no âmbito das boas práticas de laboratório, responsável do serviço de controlo e qualidade de matérias primas e apoio analítico industrial, responsável do departamento de desenvolvimento e controlo de matéria prima, responsável do departamento de desenvolvimento, e, nos dias de hoje, é responsável pelo departamento de R&D da ASCENZA AGRO.

Vem às jornadas falar do seu percurso académico e profissional, nas duas áreas onde trabalhou. Dia 22 de março, pelas 10h30, no Centro de Congressos do Instituto Superior Técnico.

Sónia Aparício – 10h30 – 11h15

Alumni

Mais uma das confirmações para o dia dos alumni: a engenheira Sónia Aparício.

Licenciada em Engenharia Química pelo Instituto Superior Técnico, acabou o seu curso em 1999, tendo-se especializado na área de processos e indústria. Iniciou a sua carreira profissional na área farmacêutica, na SOFARIMEX, onde permaneceu 4 anos e assumiu funções de qualificação e validação analítica do processo de fabrico. Em 2004 mudou-se para a indústria petroquímica, onde permanece até aos dias de hoje. Desde então tem assumido várias funções, como: diretora de estudo no âmbito das boas práticas de laboratório, responsável do serviço de controlo e qualidade de matérias primas e apoio analítico industrial, responsável do departamento de desenvolvimento e controlo de matéria prima, responsável do departamento de desenvolvimento, e, nos dias de hoje, é responsável pelo departamento de R&D da ASCENZA AGRO.

Vem às jornadas falar do seu percurso académico e profissional, nas duas áreas onde trabalhou. Dia 22 de março, pelas 10h30, no Centro de Congressos do Instituto Superior Técnico.

Mateus Rocha Vargas – 12h – 12h45

Alumni

E temos mais uma confirmação para o dia dedicado aos alumni: Mateus Rocha Vargas.

Tirou o curso de Engenharia Química no IST, tendo terminado em 2011, com a tese de mestrado em colaboração com a École des Mines de Saint-Étienne.

Mais tarde, trabalhou na área farmacêutica, na Johnson&Johnson, em áreas de gestão, como gestão de projetos e gestão de compras. Atualmente trabalha na TAP Portugal, onde tem cargos de gestão de equipas e de projetos.

Vem às jornadas para nos falar melhor do seu percurso que, para alguns, pode ser considerado fora do que seria esperado. É por isso uma palestra a não perder, dia 22 de março, pelas 12h, no Centro de Congressos do IST.

Pedro Andara – 14h – 14h45

Alumni

Apresentamos outra confirmação para o dia dos alumni: o Eng. Pedro Andara. Licenciado em Engenharia Química pelo IST, terminou o mestrado em 2011, após ter estagiado em Gante (Bélgica) na empresa GOVI, onde participou no desenvolvimento de emulsões hidrofóbicas para aplicação em aglomerados de madeira tipo MDF e outros.

Em Portugal, trabalhou na Central Termoelétrica de Biomassa de Terras de Santa Maria (Oliveira de Azeméis), no âmbito de um projeto em parceria com o IST, para avaliação e melhora da eficiência energética da central.

Em 2013 ingressou na Hovione (Loures) como engenheiro de processos na Pilot Plant, no ramo de produção de API, onde tem sido responsável por vários processos e produção, em diferentes estágios, desde uma fase embrionária do desenvolvimento até à fase comercial das terapias.

Não percas esta palestra, no dia 22 de março, pelas 14h, no Centro de Congressos do IST.

Pedro Andara – 14h – 14h45

Alumni

Apresentamos outra confirmação para o dia dos alumni: o Eng. Pedro Andara. Licenciado em Engenharia Química pelo IST, terminou o mestrado em 2011, após ter estagiado em Gante (Bélgica) na empresa GOVI, onde participou no desenvolvimento de emulsões hidrofóbicas para aplicação em aglomerados de madeira tipo MDF e outros.

Em Portugal, trabalhou na Central Termoelétrica de Biomassa de Terras de Santa Maria (Oliveira de Azeméis), no âmbito de um projeto em parceria com o IST, para avaliação e melhora da eficiência energética da central.

Em 2013 ingressou na Hovione (Loures) como engenheiro de processos na Pilot Plant, no ramo de produção de API, onde tem sido responsável por vários processos e produção, em diferentes estágios, desde uma fase embrionária do desenvolvimento até à fase comercial das terapias.

Não percas esta palestra, no dia 22 de março, pelas 14h, no Centro de Congressos do IST.

Mariana Pinto Amaro – 15h – 15h45

Alumni

Aí vem outra das confirmações para o nosso dia dos alumni: Mariana Pinto Amaro! Acabou o curso de Engenharia Química no IST em 2017, tendo ela também participado na organização das JEQ da sua altura. Está há 4 anos na Navigator, assumindo atualmente a posição de engenheira de processos. Vem às JEQ falar deste seu percurso e da sua experiência nesta área. Não percas, dia 22 às 15h!!

José Cardoso Menezes– 15h45 – 16h30

Alumni

É com muito orgulho que apresentamos o Professor José Cardoso Menezes para o painel de Alumni. Frequentou Engenharia Química no Instituto Superior Técnico. Posteriormente integrou uma farmacêutica Suíça (Ciba-Geigy) como investigador assistente em projetos no âmbito dos Plásticos e Aditivos Fotoquímicos. Ainda na Suíça integrou uma Central Nuclear como engenheiro de processos. Em 1991, doutorou-se em Engenharia Bioquímica no Instituto Superior Técnico. Posteriormente frequentou um pós-doutoramento na Universidade de Heidelberg juntamente com o Instituto de Farmácia e Biotecnologia Molecular. Atualmente é Professor no Instituto Superior Técnico, Coordenador do Mestrado em Engenharia Farmacêutica e Presidente da 4Tune Engineering. Vem às JEQ apresentar o seu percurso académico e profissional, demonstrar as dificuldades, desafios e sucessos alcançados. Não percam dia 22 de março às 15h45!

José Cardoso Menezes– 15h45 – 16h30

Alumni

É com muito orgulho que apresentamos o Professor José Cardoso Menezes para o painel de Alumni. Frequentou Engenharia Química no Instituto Superior Técnico. Posteriormente integrou uma farmacêutica Suíça (Ciba-Geigy) como investigador assistente em projetos no âmbito dos Plásticos e Aditivos Fotoquímicos. Ainda na Suíça integrou uma Central Nuclear como engenheiro de processos. Em 1991, doutorou-se em Engenharia Bioquímica no Instituto Superior Técnico. Posteriormente frequentou um pós-doutoramento na Universidade de Heidelberg juntamente com o Instituto de Farmácia e Biotecnologia Molecular. Atualmente é Professor no Instituto Superior Técnico, Coordenador do Mestrado em Engenharia Farmacêutica e Presidente da 4Tune Engineering. Vem às JEQ apresentar o seu percurso académico e profissional, demonstrar as dificuldades, desafios e sucessos alcançados. Não percam dia 22 de março às 15h45!

Apresentação da empresa J. Pereira da Cruz – 17h00 – 17h30

JEQ

Dia 23 de março

Antonio del Rio – 14h – 14h45

INOVAÇÃO

Um dos temas mais atuais, e com todo o avanço tecnológico que temos vivido, é a inteligência artificial e em como ela pode ser aplicada nas mais diversas áreas.

Apresentamos assim outro dos oradores confirmados para esta edição, que nos vem falar exatamente do tema: Antonio Del Rio. Nasceu no México, e foi lá que se formou, na UNAM University. Mais tarde, fez o seu doutoramento em Engenharia Química na Universidade de Cambridge, tendo recebido o prémio Danckwerts-Pergamon pela melhor tese de doutoramento em 2017, no departamento com o qual colaborava.

Atualmente, e desde 2020, é diretor do grupo de Optimisation and Machine Learning for Process Engineering no Imperial College London, sendo aí que faz a sua investigação. Esta foca-se no desenvolvimento e aplicação de algoritmos para otimização de processos de engenharia, nomeadamente no controlo de bioprocessos.

Vem às jornadas com o tema ‘Artificial Intelligence applied to Process Optimization and Control’, numa palestra que vai ser imperdível, dia 23 de março, às 14h.

Connor Coley – 15h – 15h45

INOVAÇÃO

Connor Coley, professor assistente de Engenharia Química e Elétrica e de Ciência da Computação no MIT, é mais um dos nomes que as JEQ têm grande prazer em anunciar. Licenciado e Mestre em Engenharia Química pelo Instituto de Tecnologia da Califórnia (Caltech) e pelo MIT, respetivamente, e Doutorado também em Engenharia Química pelo MIT, atua nas áreas da computação em conjunto com a síntese química.

Dentre as experiências admiráveis do seu percurso académico, já estagiou na Islândia, na área de Engenharia de Processos, e também na Schlumberger, empresa de serviços de petróleo, além de atuar como pesquisador no Caltech e Postdoctoral Associate no Broad Institute of MIT and Harvard. Foi ainda nomeado, em 2018, um dos “Talented Twelve” pela American Chemical Society (ACS).

No dia 23, às 15h, com o tema Molecular Design from Virtual Screening to De Novo Generation with Models of Chemical Reactivity, dará uma palestra que não se pode perder!!

Connor Coley – 15h – 15h45

INOVAÇÃO

Connor Coley, professor assistente de Engenharia Química e Elétrica e de Ciência da Computação no MIT, é mais um dos nomes que as JEQ têm grande prazer em anunciar. Licenciado e Mestre em Engenharia Química pelo Instituto de Tecnologia da Califórnia (Caltech) e pelo MIT, respetivamente, e Doutorado também em Engenharia Química pelo MIT, atua nas áreas da computação em conjunto com a síntese química.

Dentre as experiências admiráveis do seu percurso académico, já estagiou na Islândia, na área de Engenharia de Processos, e também na Schlumberger, empresa de serviços de petróleo, além de atuar como pesquisador no Caltech e Postdoctoral Associate no Broad Institute of MIT and Harvard. Foi ainda nomeado, em 2018, um dos “Talented Twelve” pela American Chemical Society (ACS).

No dia 23, às 15h, com o tema Molecular Design from Virtual Screening to De Novo Generation with Models of Chemical Reactivity, dará uma palestra que não se pode perder!!

Pedro Sá Gomes – 16h15 – 16h45

How a Process Technology Push can lead to new opportunities

Mais uma confirmação para a área da inovação: o Engº Pedro Sá Gomes. Licenciado em Engenharia Química pela Faculdade de Engenharia do Porto, fez o seu doutoramento em Engenharia Química e Biológica e tem também um MBA pela Universidade do Porto, e ainda uma pós graduação em Gestão e Desenvolvimento Sustentável, pela Universidade Católica Portuguesa. Várias têm sido as suas experiências a nivel profissional, tanto em investigação, como também na indústria. Em 2012 ingressou na BASF na Alemanha, onde permanece até aos dias de hoje. Vários têm sido os cargos que já acarretou, como: Research Engineer, Research Manager, Global Technology Manager, Senior Research Engineer (Adsorption and Ion Exchange) e atualmente assume o cargo de Principal Scientist, em adsorção e processos de cromatografia.

Vem às JEQ falar-nos exatamente desse tema, sendo a sua palestra intitulada ‘Process-Scale Chromatography – How a Process Technology Push can lead to new opportunities.’

Dia 23 de março, pelas 16h15, não percas esta palestra!

Isabel Marrucho – 16h45 – 17h30

Green Solvents

Temos o prazer de apresentar, como oradora das JEQ, a Professora Isabel Marrucho. É atualmente vice-presidente do Departamento de Engenharia Química do IST para os Assuntos Científicos, Coordenadora do Mestrado em Química e ainda membro do Conselho Pedagógico. Tirou o curso de Engenharia Química no IST e fez o seu doutoramento em parceria com o Colorado School of Mines nos Estados Unidos. Faz investigação na área de Tecnologias Sustentáveis e Solventes Verdes e é exatamente sobre isso que vem falar às jornadas, com um palestra intitulada de ‘Critical Perspective on Green Solvents: From Ionic Liquids to Eutectic Solvents and Biobased Solvents’.

Não percas esta palestra, no dia 23 de março, pelas 16h45, no Centro de Congressos do IST.

Isabel Marrucho – 16h45 – 17h30

Green Solvents

Temos o prazer de apresentar, como oradora das JEQ, a Professora Isabel Marrucho. É atualmente vice-presidente do Departamento de Engenharia Química do IST para os Assuntos Científicos, Coordenadora do Mestrado em Química e ainda membro do Conselho Pedagógico. Tirou o curso de Engenharia Química no IST e fez o seu doutoramento em parceria com o Colorado School of Mines nos Estados Unidos. Faz investigação na área de Tecnologias Sustentáveis e Solventes Verdes e é exatamente sobre isso que vem falar às jornadas, com um palestra intitulada de ‘Critical Perspective on Green Solvents: From Ionic Liquids to Eutectic Solvents and Biobased Solvents’.

Não percas esta palestra, no dia 23 de março, pelas 16h45, no Centro de Congressos do IST.

Dia 24 de março

Raquel Queirós – 14h – 14h30

Nanotecnologias aplicadas à descontaminação de águas

Raquel Queirós, investigadora, licenciada em Engenharia Química e mestre em Tecnologias e Proteção Ambiental pelo Instituto Superior de Engenharia do Porto. Doutorou-se em Física pela Faculdade de Ciências da Universidade do Porto na área de biossensores. Em 2013, como investigadora de pós-doutoramento do INESC TEC, estudou o desenvolvimento de biossensores óticos. Em 2014, integrou o Laboratório Ibérico Internacional de Nanotecnologia (INL). Atualmente, está envolvida em projetos de investigação de nanomateriais para a deteção e captura de contaminantes aquáticos, Nanomaterials for selective recognition and capture of water contaminants. A investigadora Raquel Queirós vem às Jornadas de Engenharia Química partilhar a sua investigação neste projeto, no dia 24 de março às 14h. Não percas!

Miguel Â. Rodrigues– 14h30 – 15h15

Inovação em Criotecnologia na Smartfreez – A chegada à indústria farmacêutica global com partida da Torre Sul

É com enorme prazer que as JEQ apresentam mais um professor do Instituto Superior Técnico como orador. Miguel Ângelo Rodrigues graduou-se em Engenharia Biológica pela UAlg, tendo-se doutorado posteriormente em Engenharia Química no IST, onde atualmente é Professor Auxiliar e membro do Centro de Química Estrutural. Antes de se tornar investigador no IST, foi cientista convidado na Universidade do Texas, em Austin, EUA, onde desenvolveu uma investigação patrocinada pela Pfizer Inc. na área de “Processos de congelamento controlado para a estabilização de proteínas em micropartículas”. Miguel A. Rodrigues autor de várias publicações e patentes e também um dos fundadores da Smartfreez, uma Start-Up que nasceu com o licenciamento de propriedade intelectual do Técnico e que está hoje a moldar os métodos de crioconservação das maiores indústrias farmacêuticas. Queres saber como surgiu esta ideia e o que a distingue das restantes na mesma área? Então não percas no dia 24 de março, pelas 14:30, no Centro de Congressos do IST. Não faltes!!

Miguel Â. Rodrigues– 14h30 – 15h15

Crioconservação

É com enorme prazer que as JEQ apresentam mais um professor do Instituto Superior Técnico como orador. Miguel Ângelo Rodrigues graduou-se em Engenharia Biológica pela UAlg, tendo-se doutorado posteriormente em Engenharia Química no IST, onde atualmente é Professor Auxiliar e membro do Centro de Química Estrutural. Antes de se tornar investigador no IST, foi cientista convidado na Universidade do Texas, em Austin, EUA, onde desenvolveu uma investigação patrocinada pela Pfizer Inc. na área de “Processos de congelamento controlado para a estabilização de proteínas em micropartículas”. Miguel A. Rodrigues autor de várias publicações e patentes e também um dos fundadores da Smartfreez, uma Start-Up que nasceu com o licenciamento de propriedade intelectual do Técnico e que está hoje a moldar os métodos de crioconservação das maiores indústrias farmacêuticas. Queres saber como surgiu esta ideia e o que a distingue das restantes na mesma área? Então não percas no dia 24 de março, pelas 14:30, no Centro de Congressos do IST. Não faltes!!

Irina Ramos – 16h – 16h45

Papel do Eng.Químico na luta contra o Covid-19

Irina Ramos é atualmente uma das muitas engenheiras químicas que estão diretamente envolvidas no combate à pandemia do Covid-19. Irina licenciou-se em Engenharia Química pela FEUP, doutorando-se, posteriormente, em Engenharia Bioquímica nos Estados Unidos na UMBC, USA, desenvolvendo uma tese focada na agregação de proteínas que se tornam tóxicas para os neurónios, mecanismo relacionado com a doença de Alzheimer. Começou então a trabalhar na AstraZeneca como engenheira de processos de purificação de biofármacos, desenvolvendo processos para vários tipos de medicamentos desde a fase clínica até à fase comercial, medicamentos de fonte biológica (anticorpos monoclonais, vacinas, …) utilizados em áreas como a oncologia, Cardiovasculares, Inflamação respiratória e muitas mais., acabando por, em 2020, estar envolvida no grupo de trabalho do desenvolvimento da vacina para a Covid-19. Desde há 5 anos que leciona também uma disciplina de mestrado na mesma área de trabalho que permite trazer à faculdade o ângulo de trabalho industrial necessário para formar novos profissionais.

Com o objetivo de te explicar qual o verdadeiro papel de um engenheiro químico no combate à Covid-19, não percas, dia 24 de março às 16h!

Diogo Quintão– 16h45 – 17h30

Hidrogénio como novo combustível

Apresentamos outra confirmação, que nos vira falar de um tema bastante atual: o Eng. Diogo Quintão. Licenciado em Engenharia Mecânica pelo Instituto Superior Técnico, com especialidade na área da Automação, Robótica e Sistemas, fez o seu mestrado em Desenvolvimento de Produto.

A sua primeira experiência profissional foi no setor automóvel, onde assumiu funções de Especialista Técnico no Departamento de Qualidade e Serviço da Renault Nissan Portugal, sendo responsável pela formação e assistência à rede nacional de concessionários Renault, assegurando a gestão de projetos de desenvolvimento e gestão do comércio eletrónico. Mais tarde, foi também Responsável dos Setores e Montagem e Embalagem de produtos na empresa multinacional francesa, Legrand elétrica.

Vem às JEQ em nome da Ultimate Power, onde é sócio fundador e diretor operacional (COO), Desde 2018 que acumula funções na empresa UTIS (sócio fundador) como consultor técnico, sendo responsável pelas aplicações industriais e pelo dimensionamento de sistemas UC3.

O tema da sua palestra será ‘ULTIMATE CELL – tecnologia na vanguarda do hidrogénio’, por isso não percas, dia 24 de março, pelas 16h45, no Centro de Congressos do IST.

!

Diogo Quintão– 16h45 – 17h30

Hidrogénio como novo combustível

Apresentamos outra confirmação, que nos vira falar de um tema bastante atual: o Eng. Diogo Quintão. Licenciado em Engenharia Mecânica pelo Instituto Superior Técnico, com especialidade na área da Automação, Robótica e Sistemas, fez o seu mestrado em Desenvolvimento de Produto.

A sua primeira experiência profissional foi no setor automóvel, onde assumiu funções de Especialista Técnico no Departamento de Qualidade e Serviço da Renault Nissan Portugal, sendo responsável pela formação e assistência à rede nacional de concessionários Renault, assegurando a gestão de projetos de desenvolvimento e gestão do comércio eletrónico. Mais tarde, foi também Responsável dos Setores e Montagem e Embalagem de produtos na empresa multinacional francesa, Legrand elétrica.

Vem às JEQ em nome da Ultimate Power, onde é sócio fundador e diretor operacional (COO), Desde 2018 que acumula funções na empresa UTIS (sócio fundador) como consultor técnico, sendo responsável pelas aplicações industriais e pelo dimensionamento de sistemas UC3.

O tema da sua palestra será ‘ULTIMATE CELL – tecnologia na vanguarda do hidrogénio’, por isso não percas, dia 24 de março, pelas 16h45, no Centro de Congressos do IST.

!

Dia 25 de março

Luísa Freitas dos Santos – 9h30 – 10h15

Fármacos inovadores

É com enorme prazer que as JEQ apresentam mais um orador, desta vez no âmbito dos fármacos e covid. Luísa Freitas dos Santos é atualmente Vice-Presidente da GSK, responsável pela Global Clinical Supply Chain, apresentando uma ampla experiência no desenvolvimento de medicamentos farmacêuticos, desde a seleção de pré-candidatos até a fabricação comercial, com histórico de introdução de novas tecnologias e entrega de grandes projetos de modernização de capital em toda a cadeia de suprimentos de P&D.

Com um percurso académico incrível, licenciando-se em Engenharia Química pela Universidade Católica, em Portugal, doutorando-se na mesma área pelo Imperial College London, Reino Unido, é ainda Membro Científico Sénior da GSK, Engenheiro credenciado, Membro da Instituição de Engenheiros Químicos e Membro da Royal Academy of Engineering, Reino Unido. A somar a isto, apresenta um percurso profissional formidável, estando envolvida na fase final do desenvolvimento de mais de 50 novos medicamentos, ocupando uma variedade de funções de liderança de entrega de portfólio em quase todas as áreas de desenvolvimento e fornecimento de produtos, incluindo química de processos, engenharia e modelagem de processos, lote e contínuo processamento, ciências de partículas e analíticas, gerindo o Clinical Supply Chain, liderando equipas globais multidisciplinares em 8 locais de P&D, em 6 países.

Atualmente, lidera a Global Clinical Supply Chain de P&D na GSK, sendo responsável por uma equipa de mais de 500 profissionais altamente qualificados, baseados no Reino Unido, EUA, Bélgica, Irlanda, Itália e Singapura.

No dia 25, às 9h30, com o tema Clinical Supply Chain Innovation Through the Global Pandemic – from rapid reaction to long term optimization across the clinical supply chain, dará uma palestra que não vais querer perder!!